Blog de Tecnologia desenvolvido por Thiago Campos Pereira

Blog criado para documentar e disseminar o conhecimento tecnológico adquirido por Thiago Campos Pereira e colaboradores.

quarta-feira, dezembro 29, 2004

PowerBuilder - Oracle 9

Após vários testes realizados na att e no Banco BNP (Primeiro cliente da att em Oracle 9). Chegamos as seguintes conclusões sobre o PowerBuilder e Oracle 9:
Para conectar uma aplicação no Oracle 9, deve ser utilizado o Cliente do Oracle 9 e a API do Oracle 9 ( DBMS=O90 ORACLE9I (9.0.1) ). Fizemos testes com a API do Oracle 8 ( DBMS=O84 Oracle8/8i (8.x.4+) ) e verificamos uma perda de performance por volta de 30% na média.
Entrei em contato com a equipe da Sybase (USA) e me explicaram o problema da geração do comando to_timestamp ( Ver e-mail em anexo). Resumindo, eles estão utilizando o to_timestamp de acordo com uma nova definição da Oracle de tratamento de campos data. No final deste e-mail, encontra-se o artigo da Sybase explicando melhor esta definição. Para resolver este problema, é necessário passar um parâmetro no DBParm (Timestamp='No').
Abaixo, estou enviando um modelo de como deve ser configurado os parâmetros de conexão para Oracle 9
// Profile attbh253_oracle9SQLCA.DBMS = "O90 ORACLE9I (9.0.1)"SQLCA.LogPass = "MeuPassord"SQLCA.ServerName = "attbh253"SQLCA.LogId = "MeuUsuario"SQLCA.AutoCommit = FalseSQLCA.DBParm = "CommitOnDisconnect='No',DelimitIdentifier='No',PBCatalogOwner='MeuUsuario'.TimeStamp='No'"
OBS.:
1) Os parâmetros CommitOnDisconnect,DelimitIdentifier, TimeStamp são obrigatórios e devem ser colocados em todos os cliente Oracle 9;
2) O parâmetro DisableBind pode ser utilizado em desenvolvimento ou produção, para realizar o Trace do PowerBuilder. Mas, nunca deve ser deixado em produção, pois causa uma grande perda de performance e segurança
3) Pode existir outras parametros de DbParm utilizados em alguns clientes, dependendo da configuração do servidor do mesmo.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial